Ocorre com alguma freqüência que indústrias, ao se defrontarem com a necessidade de automatizar processos de solda ou brasagem, recorram diretamente a um fabricante de máquinas automáticas que, embora sendo especialista em projetos mecânicos, normalmente desconhece as principais características dos processos de soldagem.

Assim, é de extrema importância que um especialista de solda defina previamente os parâmetros de soldagem, tais como tipos de gases, ligas apropriadas, temperaturas de fusão, queimadores/maçaricos e a proteção anti-oxidante, para que se obtenha uma perfeita união dos materiais.

Somente a partir desses subsídios, o projetista mecânico definirá o equipamento de transporte e posicionamento dos corpos de solda e poderá configurar com eficácia o processo de soldagem propriamente dito.

Não observar essa seqüência de ações poderá trazer grandes prejuízos.

Mais informações na página "processo gasflux".