PROTECHNO 
SOLDAGEM OXI-GÁS POR FLUXO GASOSO

PROCESSO GASFLUX

MANUAL DE INSTRUÇÕES

ÍNDICE

   
Parte I - PROCESSO GASFLUX
CARACTERÍSTICAS
APARELHO AUTOFLUX
MANUTENÇÃO
FLUÍDO GASFLUX
METAIS DE ADIÇÃO
APLICAÇÕES TÍPICAS DO PROCESSO
VIABILIDADE ECONÔMICA
   
Parte II - AUTOFLUX OPERAÇÃO / MANUTENÇÃO
OPERAÇÃO
AJUSTE DA CHAMA
REABASTECIMENTO
MANUTENÇÃO
   
Parte III - SEGURANÇA EM SOLDA E CORTE OXI-GÁS
CUIDADOS BÁSICOS A SEREM TOMADOS
   
ANEXO
APARELHO AUTOFLUX




PARTE I - PROCESSO GASFLUX

CARACTERÍSTICAS

O processo GASFLUX é um método desoxidante e anti-oxidante, para solda e brasagem oxi-gás, dispensando em muitos casos o uso de fluxos na forma de pó ou pasta, sendo aplicável a todos os metais, com exceção do alumínio e suas ligas.

O fluído GASFLUX é um líquido altamente volátil, fabricado à base de um derivado orgânico de boro e álcool metílico, e aplicado por um aparelho denominado AUTOFLUX.

O aparelho AUTOFLUX é projetado para misturar o gás combustível (acetileno, GLP, propano, gás natural, etc.) com o fluído GASFLUX, através de uma câmara de trabalho, na qual o fluído é borbulhado, sendo os vapores, com o boro, arrastados pelo gás combustível, fornecendo a chama de ação protetora e anti-oxidante.

O aparelho é constituído de duas partes principais: o reservatório, dentro do qual ocorre a mistura entre o gás combustível e o fluxo líquido nele armazenado, e o cabeçote.

A presença dos vapores do GASFLUX é identificada pela coloração esverdeada da chama. Através deles, a área aquecida é protegida por uma película de fluxo, que apresenta um ponto de fusão inferior ao dos fluxos em pasta e pó, permitindo portanto, que a superfície a ser soldada ou brasada necessite menos aquecimento. A quantidade do fluxo é proporcional à vazão do gás, criando uma proteção eficaz contra a oxidação, no momento da fusão do material, dissolvendo os óxidos aderidos à superfície e evitando a formação de novos óxidos durante o aquecimento, prejudiciais à ligação. É conveniente utilizar uma chama neutra e elevar a temperatura do conjunto apenas um pouco acima à do ponto de fusão do material de deposição, resultando assim um mínimo de distorção.

Os resultados obtidos são soldas limpas, regulares, densas e livres de quaisquer resíduos.

APARELHO AUTOFLUX

Os aparelhos AUTOFLUX são fabricados segundo as especificações e desenhos originais da França, tendo sido atingido um índice de nacionalização de 100 %.

O AUTOFLUX M3 é composto de um cabeçote de latão fundido, dotado de um sistema racional de registros, e um reservatório de alumínio fundido.

O estágio mais avançado do sistema modular AUTOFLUX consiste dos aparelhos GM6 e GM9, obtidos pelo acréscimo de reservatórios adicionais.

A grande vantagem do modelo GM6, em relação ao M3, é a grande autonomia operacional, como demonstra o comparativo abaixo:

AUTOFLUX CAPACIDADE
(litros)
M3 2,5
GM6 6,0
GM9 9,0

A instalação e operação do sistema AUTOFLUX é extremamente simples e segura, desde que observados os procedimentos recomendados e atendidas as normas de segurança normalmente praticadas.

É relevante observar as seguintes recomendações:

  • Verificar o lay-out da instalação, mantendo suficiente e segura distância entre o local de instalação do aparelho AUTOFLUX e fontes geradoras de fagulhas, como caixas de luz, máquinas de solda em geral, cortadoras de tubos elétricos, etc.
     

  • Trabalhar com pressões seguras de gases
    Combustível: 0,8 kgf/cm2 de pressão máxima
    Oxigênio:        3,0 kgf/cm2 de pressão máxima

     

  • Utilizar válvulas de segurança no sistema oxi-gás.
     

  • Instalar válvulas corta-chama (RS 15D nas man